10 dicas para melhorar o desempenho da sua rede wi-fi

1. Escolha um bom local para posicionar o roteador
Um bom posicionamento do roteador é vital para que sua rede tenha um desempenho melhor. tente posiciona-lo no centro da casa longe de paredes ou quaisquer outros objetos que sirvam como barreiras. Evite anexa-lo em locais isolados, atrás de armários ou mesas, isso fará com que o sinal do seu roteador fique mais forte e consequentemente o alcance da sua rede será maior.

2. Reduza a interferência de outros aparelhos na sua rede
Nos dias de hoje há uma infinidade de aparelhos que fazem uso de conexões sem fio. Além do fato de que praticamente todas as famílias nas grandes cidades possuem uma rede sem fio em suas casas, aparelhos como micro-ondas, telefones e babas-eletrônicas também podem interferir no sinal da sua rede wifi. Você pode mudar o seu roteador de lugar afastando-o do aparelho que está gerando o conflito para ver se resolve o problema ou você pode mudar a frequência de operação do seu roteador para outra diferente alterando o canal e o SSID da sua rede.

3. Atualize o firmware do roteador
Atualizar o firmware do seu roteador pode ser uma tarefa tão fácil quanto fazer a atualização de um aplicativo em seu smartphone, no entanto cada aparelho demanda uma analise previa dos procedimentos a serem executados dependendo da marca e modelo do roteador. Um aparelho com firmware desatualizado pode apresentar problemas de desempenho e perda de alcance do sinal.

4. Defina uma data para reinicialização automática
Certamente você já teve que reiniciar o seu roteador alguma vez para corrigir problemas de sinal ou capacidade de conexão com a internet. Isso é fato, roteadores domésticos precisam ser reinicializados de tempos em tempos para que possam funcionar perfeitamente. O que você pode fazer é estabelecer uma data e horário para que seu roteador reinicie automaticamente, assim, você se livra do incomodo de ter que reinicia-lo enquanto faz uso da rede. Estabeleça um intervalo que achar mais apropriado, você pode configura-lo para reiniciar um vez por dia ou a cada semana, você define. E importante que escolha um horário o qual você sabe que não vai ter ninguém fazendo uso da rede para evitar problemas.

5.Troque a senha da sua rede Wi-fi
Pode parecer improvável que algum estranho seja a causa da lentidão na sua rede, mas é possessível. Você pode acessar a interface de gerenciamento do seu roteador e tentar identificar algum aparelho ‘estranho’
conectado, verificando a pagina de logs e a lista de clientes ou, simplesmente trocar a senha da sua rede e selecionar uma criptografia de rede mais segura como a WPA2 para dificultar um pouco mais o trabalho de um possível intruso.

6. Estabeleça um limite de velocidade para cada dispositivo
Redes com mais de um dispositivo ativo ao mesmo tempo pode sofrer um desequilíbrio na distribuição da banda, permitindo que alguns aparelhos consumam uma maior quantidade de dados que outros. Para resolver isso defina um limite de dados para cada aparelho conectado a rede, ou para cada faixa de endereços ip.

7. Verifique seu plano de internet
Verifique se seu provedor esta cumprindo com o serviço contratado. Você pode usar ferramentas online para medir a sua velocidade de conexão. Considere aumentar seu plano de dados, dependendo das suas necessidades, talvez deva considerar a possibilidade de fazer um upgrade no seu plano de internet.

8. Considere o uso de um repetidor de sinal
Aparelhos que operam na faixa de 2.4 GHZ geralmente conseguem cobrir uma área de até 40 metros, no entanto paredes e obstáculos podem reduzir essa área drasticamente. Com um repetidor de sinal bem posicionado esse problema se dissolve.

9. Troque seu velho roteador
Bons roteadores costumam dar conta do trabalho por anos sem apresentar problemas, mas nem sempre isso é suficiente. Novas tecnologias surgem a cada dia e é natural que aparelhos novos as adotem e muitas vezes deixem de dar suporte à tecnologias passadas. Hoje há aparelhos com suporte a tecnologia Wireless AC que são superiores aos que operam com Wireless A, B, G ou N.

10. Teste a placa de rede de seus dispositivos
Não adianta ter a melhor conexão e o roteador mais moderno se o problema estiver na outra ponta. Faça testes com outros aparelhos para verificar se o problema está na placa de rede do seu computador, por exemplo.

Comentários

Tão vazio aqui... deixe um comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Barra lateral